Ilhabela
09 abr 2018

5 dicas para visitar Ilhabela com bebê

Taí um assunto importante para quem está pensando em uma viagem em família! E com conhecimento de causa. Além de ser moradora da ilha há quase cinco anos, tenho um baby de um ano e dois meses e vivencio intensamente os dias com ele por aqui. Então, resolvi organizar o post com 5 dicas para visitar Ilhabela com bebê e agrupar todas aquelas dúvidas que todos os papais têm e querem solucionar antes de pegar estrada! Vamos em frente? Reserve uma horinha enquanto o pequeno tira uma soneca e vem ver minhas sugestões para uma estada deliciosa e divertida!

Ar orlas contam com ciclofaixa e calçada larga, ideal para passeios de triciclo, bike ou carrinho

1.Prioridade na balsa para bebês até dois anos

Pensa em vir pra Ilhabela mas já imagina passar perrengue na fila da balsa com o bebê? Nada disso. Para carros com bebê até dois anos de idade, é possível pegar a fila de prioridade. A mesma que também vale para pessoas acima de 60 anos. Basta ter o documento do seu bebê a mãos e apresentar no guichê. Tanto em São Sebastião, como em Ilhabela, é só se manter na fila da esquerda e será fácil fazer a travessia.

Para acompanhar a travessia e checar horários com menos fluxo, até mesmo na fila de prioridade, é sempre válido entrar nesse link e conferir ao vivo as câmeras da balsa. Fique de olho para evitar os horários de pico e passar sem estresse! Se está com criança acima de dois anos, no mesmo site é possível agendar horário.

2.Borrachudos e pernilongos: repelente e tudo bem!

Mais um pensamento recorrente para quem vem para Ilhabela pela primeira vez, ou é a primeira vez trazendo um bebê: os borrachudos. Que existem os mosquitos, não há como negar… Mas são menos do que pintam por aí e há truques para escapar!

 

Primeiro, lembre-se de se precaver com um repelente permitido para bebês. Há opções da Johnson’s Baby, Huggies e Off que são excelentes e podem ser usados por bebês acima de 6 meses (claro, consulte seu pediatra sempre!). Se ainda não for a idade do seu pequeno, uma proteção para hora do sono como telas de mosquito para berço ou carrinho, são ótimas e seguram a onda! Papais pode ficar tranquilos. É preciso apenas, além do repelente ou tela e repelente, preocupar-se com os horários dos programas e locais. Por exemplo, trilhas, cachoeira ou praias muito desertas ao cair da tarde e muito cedinho são lugares mais propícios para picadas… Tente evitar mata fechada e esses períodos que tudo vai dar certo! Pernilongos aparecem mais pela noite e com repelente, janelas fechadas ou citronela, tudo se acalma e terão noites tranquilas de sono!

3. Praias com bar, ducha e banheiro 

Quando estamos com criança, há um pré requisito importante na hora de escolher a praia: estrutura mínima com uma sombrinha, ducha, um banheiro ok e bar para comprar água ou qualquer refeição de emergência. Durante o passeio, é super normal o bebê precisar de uma trégua para uma soneca, então é fundamental árvores com sombra, quiosque ou bons guarda-sóis.

Pensando nesses requisitos e também nos sagrados banhos de água doce para entre um tombo na areia e outro, ficam algumas sugestões de praias:

  • Prainha do Julião – estrutura agradável, música calma, mar tranquilo, estacionamento, sombra e ótimo banheiro,
  • Praia da Siriuba com Ballena Beach Club – mais sofisticado, com todos os requisitos contemplados e a vantagem da praia ter acesso fácil da rua, boa vantagem para chegar de carrinho com bebês pequenos,
  • Praia do Pindá com ManaPani, do ladinho do parquinho do Campo da Aviação, cheia de crianças sempre, clima familiar, fácil acesso de carrinho, boa sombra nos cantos e tranquila,
  • Praia da Armação entrada pela Escola de Vela BL3, utilizando o vestiário e restaurante da escola, é agradável para crianças e tem possibilidade de aluguel de cadeira e guarda-sol.

 

Nesse link você confere mais sobre as praias e como chegar.

Essas são só algumas das possibilidades! Como frequentadora das praias do norte, apenas a Prainha do Julião fica ao sul, porém, se algum papai ou mamãe indicar outras pela região, deixe nos comentários e vou completando esse guia.

 

4. Restaurantes e lanchonetes agradáveis para ir com bebê

Pais de primeira viagem (oi!) ou pais com bebês pequenos sempre estão em busca de lugares que são gostosos para o relax do casal, mas que também sejam tranquilos e agradáveis para bem-estar do bebê. Dentro dos pré-requisitos podem entrar boa ventilação, sombra, música ambiente calma, possibilidade de pedir cadeirão, segurança para soltar o baby, lugar para brincar, entre outros… Aqui vão alguns lugares legais para diferentes horários do dia e noite e estilo de refeições:

Donnabella Comidaria: para cafés da tarde  ou da manhã, a comidaria conta com jardim com árvore, boa sombra e lugar para brincadeira com cabana e lousa. Enquanto os pais comem, a diversão entre as mesas e embaixo da árvore rola solta. Fecha às terças.

Proa Guardaria: o café do espaço esportivo que beira a ciclo faixa, conta com redes, gramado, música agradável e comidinhas fáceis para compartilhar com o bebê, como saladas de frutas, sucos naturais, pão de queijo artesanal e outros. Além de sempre ter outra mãe presente para compartilhar brincadeiras e bater papo. Fecha às segundas.

Hamburgueira da Ilha: na vila, a hamburgueria tem clima familiar, não serve bebida alcóolica, música agradável, tem suco natural, área ao ar livre ótima para carrinhos ou triciclo e reúne famílias com bebês e crianças frequentemente. Até mesmo o jovem casal proprietário está sempre com seu bebê por lá e mostra como crianças são bem-vindas! Abre às 19h e fecha às terças.

Restaurante Manjericão: único restaurante da Vila que apresenta trocador e berço, então, merece ganhar pontinhos e ser ressaltado no post! O restaurante conta com pratos executivos que são servidos de forma rápida, o que muitas vezes é vantagem para os passeios com baby. Além de ser um espaço arejado, com luz natural e jardim. Para crianças maiores, tem pratos kids.

5. Parquinhos sempre são boa pedida!

Ilhabela é repleta de praças e parquinhos e esses costumam ser o programa favorito dos bebês e também dos papais para passeios pela manhã ou final de tarde! Quem mora na Ilha ou visita tem o privilégio de curtir parquinhos de madeira beira-mar a cada bairro. Há opções gostosas na Vila (em frente à gelateria), no Campo de Aviação, na Praia do Viana, no Engenho, na Praia Grande, no Itaguassu próximo à rotatória e muitos outros espalhados pelas praias. Entre caminhadas ou passeios de bike com cadeirinha, são pit stop certo e sempre agradam. Aproveite para dar uma caminhada, fazer o bebê dormir no carrinho e ao acordar, vai amar brincar no balanço! Diversão sem custo e deliciosa!

Papais e mamães, em resumo: venham sem receio! É certo que será uma estada marcante e super gostosa!

O que achou das dicas? O que mais gostaria de saber nesse tema? Deixe nos comentários e a mamãe e moradora vai correr para te auxiliar!

Deixe seu comentário
* Não será divulgado
Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com

Comente pelo facebook
0 comentários