Ilhabela
06 mar 2018

Papelaria artesanal em Ilhabela: Jorge Et Fille Co.

Uma paixão que uniu pai e filha: encadernação manual. E para a felicidade de quem visita Ilhabela, os exemplares dos cadernos, blocos e álbuns feitos à mão, deixaram de serem expostos só em outras lojas para ganhar ateliê próprio. Há pouco mais de um ano, o simpático ateliê abriu as portas no Saco da Capela e recebe de segunda à sábado das 14h às 18h os clientes no mesmo local onde são produzidas as peças exclusivas.

Foto Gustavo Ferri

Papelaria artesanal em Ilhabela: Jorge Et Fille Co.

Bem ao lado do ateliê de cerâmica, com barulho de água corrente ao fundo, é a Maia quem apresenta as criações da marca Jorge et Fille et Co. São álbuns, cadernos, agendas, móbiles. Além do contato com a mesa de corte dos papéis e peças ainda em processo criativo, é possível ver os materiais, escolher papéis e adentrar nesse universo!

Foto Gustavo Ferri

Adepta a garimpar papéis pelo mundo, foi uma ida ao Japão que recarregou o espaço de novos papéis e padronagens. É possível comprar o que já está a mãos, como também podem ser feitas encomendas sob medida e como deseja. Até mesmo restauros de álbuns antigos podem ser pedidos, coisa de quem tem muito cuidado e amor ao papel.

Foto Gustavo Ferri

Onde encontrar os cadernos artesanais e artigos de papelaria:

Av. Almirante Tamandaré, 34. Ilhabela

Materiais
27 out 2017

Organização de tarefas com planner A.Craft

Não é de hoje que eu uso um planner no lugar de uma agenda para organizar meu dia a dia de trabalho… Como autônoma e dona do próprio nariz na hora de definir prioridades, tarefas, gerenciamento de tempo e outros afazeres fora do trabalho, essa ferramenta tem sido fundamental na minha rotina. E por quê um planner e não uma agenda? Além da atratividade e estética que me impulsionam a usar diariamente, a me manter organizada e fiel a suas páginas, te mostro a seguir algumas funcionalidades que me atraem bastante. Para completar, também mostro como é o planner da marca A. Craft que estou usando esse ano e já garanti a versão 2018. Vamos ver vantagens, como uso e detalhes a seguir?

Planner A.Craft com blocos de trimestre 2018, capa, caneta e queridos washitape para decorar

Capa reutilizável, blocos por trimestre e acessórios

Começar o ano com novidade é um empurrão para novos projetos e novo gás no trabalho! Dessa forma, é inevitável não querer caderno de anotações e agenda novos para anotar e gerenciar tarefas, certo? Sim e não com um planner como da A.Craft! Explico: com esse modelo que escolhi para me acompanhar durante 2017, posso facilmente trocar todo seu miolo e me encantar pelas novas cores e capas, incorporar novos acessórios como envelopes, réguas, cadernos…

Mas manter capa que estava perfeita e adoro, continuar com bloco do último trimestre do ano anterior para manter anotações de projetos e informações importantes e até mesmo manter em uso mesmo bloco de notas do mesmo formato dos blocos de trimestre. Essa é uma super vantagem para organização e motivação: saem períodos que chegaram ao fim, deixam de pesar na bolsa, mas ficam os dados importantes, aqueles lembretes e senhas importantes, número ou nome que até sabe onde anotou no bloco mais recente de meses e a funcionalidade que já faz sentido e já é conhecida no para o dia a dia.

Já deu para sentir aí a diferença com a agenda? Ao longo desse ano, por exemplo, por poder encaixar nos elástico os cadernos de meses, sempre deixei apenas de um ou dois trimestres para tornar o conjunto mais leve e ergonômico. Coisa que seria impossível em uma agenda comum.

Organização diária e metas da semana

Com tarefas de diferentes clientes, afazeres com cuidados da casa e bebê, além de anotações de eventos, viagem, reuniões, fica fácil se perder nos compromissos diários sem listas e anotações. Desde que me entendo como autônoma, não começo o dia sem uma organização de tarefas e muitas vezes numerando prioridades e também períodos para realização. Normalmente minhas tarefas vêm com números na frente e depois de realizada, tico e para passar para a seguinte.  Isso porque é bem comum tanto a vontade gigante de mesclar atividades e fazer tudo ao mesmo tempo sem muita ordem tanto a possibilidade de sobrar algo para o dia seguinte. Assim,  é sempre importante elencar quais são mais emergenciais e se lembrar que cada coisa deve ser feita na sua vez.

Dias da semana visíveis em duas páginas, bloco de metas e períodos

Com o planner, busco criar essa listagem diariamente e no início da  semana, por todos os dias estarem nas duas páginas, já dividir outras tarefas já sabidas dos dias seguintes. Só essa simples atitude já me ajuda a diminuir ansiedades e conseguir olhar de forma mais ampla para minhas pendências, entregas ou compromissos.

Um outro ponto que torna a semana mais eficaz é determinar nos espaços acima da página as metas gerais da semana. Nesses bullets eu acabo misturando coisas pessoais e de trabalho. É possível tanto ter “organizar armário”, como “pagar contas” como “entregar relatório”. Essas seriam macro tarefas que podem ser realizadas em mais dias da semana mas seria excelente cumprir até a sexta. E que alegria é fazer seu tique ao fim da semana, sucesso!

Itens úteis para uso diário do planner

Já que essa ferramenta de organização está longe de ser só uma agenda, já aproveito para enumerar alguns acessórios muito úteis além dos blocos de trimestres que está usando. Aqui vão:

  • Envelope plástico para guardar notas, cartões de visitas, papéis importantes como contas ou comprovantes
  • Divisória com porta-canetas e suporte para folhas
  • Régua para criar quadros, tópicos, fazer traços
  • Caneta que sempre precisa estar a postos
  • Gosto de ter clipes e fitas washi para prender recados ou notinhas importantes além de destacar assuntos ou dias

►►►

Fica meu depoimento sobre as vantagens do uso do planner e como fez diferença na organização da minha rotina! Esse modelo foi criado pela marca autoral e super pioneira desse modelo no Brasil A.Craft! Recomendo e admiro muito a criatividade e credibilidade desse negócio criativo. Espero que gostem do post e seja útil para quem procura uma nova forma de organização diária!

P.S.:Nem entrei no mérito por não ser a pessoa que faz decorações nem tem a letra mais linda, mas também vale complementar que manter suas folhas bonitas e atrativas como muitas adeptas amam pode ser mais um motivo de manter os dias bem organizados! Vai mais essa dica!

DIY
30 maio 2017

Caixinha de fotos com apliques de scrapbooking

Recentemente, precisei fazer um presente para uma pessoa especial. Seria uma caixinha de fotos para colocar algumas fotos impressas, coisa rara que, se a gente não faz logo, perde lindos momentos em nosso celular. A ideia já estava certa, mas faltava uma forma fofa de compor essa lembrança. Para tanto, tratei de dar função nova a uma caixa em mdf e alguns apliques de scrapbooking que tinha arrematado.

Registrei o processo para esse DIY fácil e gostoso de criar! Fica como sugestão para quem também ama colecionar recortes e elementos de papelaria!

Caixinha de fotos com apliques de scrapbooking: materiais

Reúna uma caixinha em mdf, fita banana, tesoura, elementos de scrapbooking ou recortes de uma folha decorada, tags, envelope, mini pregador, caneta Posca e barbante ou fio twine para fechar o envelope. Esses eram os detalhes que tinha aqui e resolvi usar, mas você pode ter outros e compor a sua forma!

Materiais diversos para a criação da sua caixinha de fotos

Para criar um relevo na tampa, cole os elementos com fita banana. Comece com uma base com tag ou papel retangular.

Continue a decorar com outros pedaços de fitas e mais detalhes de papel. Crie desenhos e escreva uma mensagem com a Posca.

Finalize com um título ou tema para as fotos da caixinha ou ainda o nome da pessoa que receberá o presente.

Eu ainda fiz um cartão e coloquei dentro do mini envelope e fechei com o fio twine. Tudo bem personalizado e carinhoso! Quem não curte oferecer e receber um presente assim? Coloque as fotos impressas dentro da caixa e está prontinho!

Você pode ver a função original dessa caixinha aqui nesse passo a passo de flâmula e também saber mais sobre fio twine neste post sobre materiais. Boa criação!

Dicas
13 out 2016

Estampa autoral para cadernos Cicero

Alô, amantes da papelaria criativa! Tem uma boa novidade na área! E é ainda mais especial para quem preza por autenticidade e ilustrações autorais.

Nova criação de Clau Cicala em parceria com Papelaria Cicero

Clau Cicala designer de estampas, conhecida por seus desenhos autorais, coloridos e cheios de personalidade, foi convidada junto com mais quatro artistas para criar uma estampa exclusiva para a Floral Hype da Papelaria Cicero (adoro!), linha especial da marca que traz cadernos com capas cheias de cores e formas.

cadernocicero

A estampa de Clau, colorida e tropical, traz uma composição que mistura diferentes tipos de flores e folhas, desenhadas manualmente com lápis de cor, em cores vivas e modernas.

Mais artistas da coleção

Os outros artistas que ilustraram as capas do Floral Hype são Gabriel Oliveira, Albino Papa, Natália Sicsu e Daniel Moraes. A Floral Hype vem para reafirmar o incentivo da Cicero na arte, já que é a quarta linha da Cicero realizada com um coletivos de artistas.  À venda nas melhores papelarias de todo Brasil, em mais de 300 pontos de vendas.

capas caderno cicero

Além de seu estúdio criativo, Clau Cicala criou o Brasilidade Estampada, com o objetivo de levar conteúdo vivencial de suas técnicas e de outros profissionais em ascensão do mercado artístico, através de workshops, cursos e talk, voltado para estudantes e apaixonados por estamparia de todo Brasil.

Fica a dica e também o meu cola-desejo!

Inspirações
05 out 2016

Álbum de gravidez: faça você mesma também

Desde a última vez que falei sobre a gravidez e anunciei que o Miguel está a caminho já se passaram 12 semanas! Talvez para quem não viva intensamente o crescimento da barriga e todas as mudanças do corpo possa parecer rápido… Porém, para a gravidinha aqui, por mais que esteja amando sentir seus chutes e curtindo o barrigão, não vejo mesmo a hora de ter meu bebê em meus braços. E enquanto não começo a preparar seu quarto, iniciei a montagem do ábum de gravidez, coisa que acho que vou amar ver e rever após a gestação. Querem espiar?

Álbum de gravidez: criação folha a folha

Tenho feito as fotos eu mesma, uma selfie de celular comemorando a mudança da barriga, outra tirada pelo marido, outra por irmãs ou amigas. Muitas das imagens vão para meu instagram com a hashtag #oimigssanchez. E é assim que vou acompanhando em fotos a mudança intensa do corpo e também dos meus pensamentos e sentimentos!

E para não deixar esses registros apenas no rolo da câmera do celular ou em redes sociais, tentei me policiar para imprimi-las. Tive alguns dias de folga e corri para imprimir aquelas mais legais dos cinco primeiros meses. Comprei também papéis coloridos e fui logo iniciando o projeto em uma tarde gostosa com filme e tempo chuvoso lá fora.

album de gravidez

Minha ideia foi colar uma ou duas fotos por página e escrever coisas marcantes daquele período. Como me sentia, quando chutou, primeiras impressões. Já se foram umas oito páginas e continuo clicando para logo continuar a criação.

Quando toda a gravidez passar e também o parto, pretendo reunir todas as folhas decoradas e cheias de boas memórias em um álbum, encadernando essa lembrança que vou amar mostrar ao Miguelzinho logo mais.

Agora estou no final do sexto mês, já com a barriga ainda mais redonda e pontuda e sentindo-me ainda mais grávida. A rotina aqui já é mais pacata do que quando engravidei… Trabalho segue firme, mas mais home office, com menos idas a SP e também mais introspectiva. Coisas da gravidez e também por precauções.

albumdegravidez1

Por sorte, ando achando minha nova forma linda, curto cada novidade do pequeno dentro de mim e quero logo mais tornar aparente essa nova fase também na casa. Não vejo a hora de começar a arrumar o quartinho e me motivar com  essa grande mudança em nosso lar doce lar.

Já tenho muitos mimos feitos à mão por amigas e familiares e será muito especial ver as criações tomando forma nesse novo ninho. Enquanto isso, sigo chocando o pequeno Miguel e vou contando novidades das novas etapas por aqui!

Fica a sugestão para outras mamães e gestantes! Não precisa ser uma expert em scrapbooking para realizar essa criação e imagino que cada uma vai amar dar seu toque às folhas!

Materiais
24 jun 2016

Doilie: papel rendado para criar

Talvez o nome “doilie” pareça estranho para você, mas tenho certeza que já viu uma porção de criações com esse papel rendado com aspecto retrô! O nome vem de um estilo de renda e ponto de crochê e o efeito é similar no papel.

Vamos conferir a variedade de usos para esse material chave para criação? O que você inventaria com ele? Espie inspirações abaixo!

doilie-usos

O que é o material doilie

O doilie é uma folha de papel usada originalmente para decorar xícaras e pratos de doces. No formato original redondo, o delicado papel com desenhos e recortes em sua borda enfeita entre a xícara e o pires dando um acabamento bonito a uma mesa de chá. Mas seu uso foi muito além! Hoje em dia o doilie perdeu essa função e está presente da papelaria de festas a embrulhos caprichados. Bora pensar no material com muita criatividade?

Muitas ideias para criar com doilie

Abra a cabeça na hora de aplicar as rendas de papel! O efeito romântico cai lindamente como bandeirolas de festa, detalhe para convite de casamento, é curinga para arrematar um pacote para presente com muito charme.

doilie

Na hora de decorar uma mesa de festa, lembre-se do artigo de papelaria para marcar os nomes dos convidados da mesa usando a renda com o guardanapo ou talheres e também abuse do papel para enfeitar tags, tanto para lembrancinhas como para o marcador de copo. Que tal?

ideias para usar doilie

Se ficou atraída pelo delicado papel rendado, veja onde comprar doilie abaixo:

  1. Tom & Sophie
  2. Elo7
  3. ArtePapel&Pano
  4. Festá Ideas

O que achou desse material? Já usa  em suas criações ou ficou com vontade de colocar em prática?

Dicas
24 fev 2016

A volta do Snoopy: filme e produtos criativos

snoopy_filme

Um cão beagle que fala um pouco de francês, é claustrofóbico, detesta doce de côco e biscoitos, dorme no telhado da casa, tem um passarinho amarelo como amigo… Soa familiar?

O cachorro mais famoso do mundo (segundo o American Kennel Club em 2010) faz parte de um dos quadrinhos mais populares e influentes, publicados em 75 países e traduzidos pra 21 idiomas!

No dia 14 de janeiro desse ano lançou aqui no Brasil a animação das incríveis historinhas do cachorro Snoopy e sua turma. Com direção de Steve Martino, “Snoopy e Charlie Brown – Peanuts, O filme”, traz de volta um dos personagens mais queridinhos do mundo. Vamos dar uma olhada na história dessa turminha que vem abalando as tirinhas, telas e até roupas e decorações desde 1950?

snoopy_filme1

Sobre a história

Snoopy, que originalmente se chamaria Sniffy, nasceu em 2 de outubro de 1950, na tirinha dos “Peanuts” (traduzida aqui no Brasil como “Minduim”), criação do cartunista norte-americano Charles M. Schulz (1922-2000), e não demorou muito para se tornar cult no universo dos quadrinhos. Pouco a pouco foi conquistando o mundo também em outros espaços. Nasceram então, animações, espetáculos teatrais, e inúmeros produtos, entre eles camisetas, relógios, videogames e outros mais, tudo isso com o personagem mais fofo e sua turma animadíssima.

snoopy_produtos3

Baccarat em homenagem ao personagem e eletrodomésticos divertidos para Peanuts para Amazon

Humor adulto e herança familiar

As histórias contam aventuras e desventuras desses dois personagens: o Snoopy, que ao adormecer no telhado da sua casa cria sonhos extraordinários que resultam em episódios supercriativos; e Charlie Brown que junto com sua turma representa o aspecto filosófico desse humor que é lido principalmente pelo publico adulto.

snoopy_produtos

Bolsas e mochilas Le Sportsac linha Snoopy

Charles M. Schulz é a essência de seus personagens e desenhou o universo de snoopy e sua turma por 50 anos, até sua morte em 2000. Após esse ocorrido a família Schulz foi procurada para trazer de volta os personagens ao cinema, e foi só em 2007 que Craig Schulz, filho de Charles, decidiu que era hora de ele mesmo assumir a obra do pai.

Almofada para viagem Imaginarium e bolsa Coach linha especial Peanuts

Almofada para viagem Imaginarium e bolsa Coach linha especial Peanuts

O filme

Dito e feito, estamos diante da volta dos queridinhos em: Snoopy e Charlie Brown – Peanuts, O filme. Na telinha, a história deixou de ter a pegada filosófica que Charles representava essencialmente, é bem mais direcionado ao publico infantil, mas traz um monte de lembranças pra quem acompanhou as peripécias dessa galerinha aí…

snoopy_produtos1

Snoopy e turma andam encantando nas Havaianas

Nas prateleiras e vitrines

Hoje em dia, no mercado dos produtos criativos, o simpático personagem e sua turma estão por todos os lados. E se o filme nos pareceu mais voltado ao público infantil, os produtos que marcam a volta da turma conquistam mesmo os adultos! Marcas de decoração, moda e acessórios lançaram itens divertidos antes do lançamento do filme e continuam lançando novidades. Até cristal e eletrodomésticos entraram na onda! Se é fã, fique de olho! #colaindica

snoopy_produtos2

Ideal para amantes de papelaria: Moleskine versão Peanuts!

Você também cresceu lendo suas tirinhas? Gostou do garimpo de produtos com o tema?

Na Prateleira
27 jan 2016

Livro de Colorir Color PXL da Faber-Castell

livro_colorir

Tem novidade das boas para os amantes dos livros de colorir! A marca Faber-Castell, depois de inovar com a plataforma Color PXL, que integra o universo digital ao analógico, lança o Livro de Colorir Color PXL Lugares Incríveis. Já viram como é?

Ao invés de desenhos comuns com contornos em linhas, as ilustrações base para pintar são feitas de pixels, a linguagem de computador. O resultado vai sendo percebido a cada quadrado pintado! Ao fim, a criação se torna um verdadeiro mosaico, com pastilhas coloridas, um mix de handmade e tecnologia.

livro_colorir_fabercastell

O que é a plataforma Color PXL

A plataforma digital disponibiliza diversos Pix Papers para serem coloridos, divididos em três graus de dificuldade: fácil, médio e avançado. Os Pix Papers são folhas de papel A4 quadriculadas, sendo que cada quadradinho está identificado com um número que representa a cor que compõe o desenho. Após a pintura, transformam-se em divertidos desenhos.

livro_colorir_fabercastell1

Novidade nas livrarias

A proposta é tranimage006sformar o pixel numa nova manifestação de formas e cores feitas à mão, com o livro é possível conhecer imagens de 29 lugares incríveis de várias partes do mundo. A mecânica é a mesma do site já lançado, onde a pessoa é surpreendida ao conhecer os desenhos após colorir os pixels ou, se preferir saber o que vai pintar, basta consultar o gabarito de roteiros. Disponível a partir desse mês em livrarias, o livro também acompanha um guia de cores. Ao comprar o pack com a caixa de EcoLápis 24 cores, o livro vem junto.

Se você aí do outro lado viciou na ideia de colorir desenhos e testar suas habilidades com lápis e canetinhas, é certo que vai curtir entrar nessa onda de pintar os quadradinhos! Fica a dica de lançamento e por aqui, a curiosidade de ver os resultados ao vivo e a cores. #colanaprateleira